Diário de bordo

Grand Teton National Park: o que fazer no parque mais lindo dos EUA?

Depois de alguns dias passeando pelo Wyoming, finalmente chegamos em um dos parques que mais queríamos visitar, o Grand Teton.

Grand Teton National Park, Wyoming

O Grand Teton National Park é um parque muito famoso aqui nos EUA. Ele fica no estado de Wyoming e ao sul de Yellowstone, quase na fronteiro com Idaho. O parque é conhecido pelo seu conjunto de montanhas enormes – os Tetons -, que chegam a mais de 4 mil metros de altitude e deram o nomes ao lugar. 

Essa cadeia de montanhas faz parte do que chamamos de Rocky Mountains, que é um conjunto de rochas maciças que se estende do Canadá, Colúmbia Britânica, até o Novo México, nos EUA.

Além disso, possui cerca de 320km de trilhas e caminhos, 7 lagos cristalinos principais e mais centenas de pequenos lagos formados pelo degelo das geleiras e uma biodiversidade só encontrada por ali.

1. Como chegar?
Dá pra chegar no parque saindo de qualquer parte de Wyoming. Por ser um estado pequeno e muito lindo, as road trips valem a pena. Se quiser ir direto, Jackson Hole serve como base para o parque e tem um pequeno aeroporto. 

A ida para o parque pode ser feita pelo Norte, acesso pelo Hwy 191 quase na saída do Yellowstone National Park ou pelo sul, onde há duas possibilidades: o Granite Canyon entrance que fica em Teton Village e a Moose Entrance, principal entrada para quem vem de Jackson Hole. Dessa forma, Grand Teton possui basicamente 3 entradas principais:
– Entrada Norte: (John D. Rockefeller Memorial Parkway US 89) Ligando Grand Teton ao Yellowstone  National Park. (Fecha para carros entre Final de Novembro e só reabre em meados de Maio)
– Entrada Sul: (US191/US26/US89) Ligando Grand Teton a Jackson em Wyomming e a Moose-Wilson Road (fecha no inverno) ligando o parque aos resorts de Ski de Jackson Hole.
– Entrada Leste: (US 26/US287) Ligando Grand Teton a Dubois em Wyomming.

2. Quanto?
Pedestres e bicicletas: $20 por pessoa. Vale por 7 dias.
Motos: $30 e vale por 7 dias.
Veículos não comerciais: $35 e vale por 7 dias.
Passe anual para os parques nacionais: $80 e pode ser usado em todos os parques nacionais dos EUA. Vale muito a pena!

3. Como visitar o Grand Teton?
É possível entrar no parque de carro ou a pé. Se comparado ao Yellowstone, o Grand Teton é um parque pequeno e fácil.

Ficando 1 dia por lá, é possível percorrer o loop principal do parque, parando nos principais mirantes e fazendo algumas trilhas. Mas, o ideal seria, pelo menos, 2 dias inteiros no parque. Com esse tempo, dá pra ver as trilhas mais legais e fazer os passeios mais interessantes.

Caso você tenha tempo sobrando, 3 ou 4 dias fariam você conhecer quase o parque todo, as trilhas, os lagos e os mirantes. 

Outras formas bem legais para se conhecer Grand Teton sob outra perspectiva são: fazer um passeio de cavalo (que pode ser alugado em alguns pontos do parque); ver toda a beleza e extensão do parque de cima, através de passeios de balão – esses passeios podem ser feitos a partir de Jackson; e também passeios de caiaque ou barco pelo Sneak River ou pelo Jenny Lake.

4. Onde se hospedar?
Dá pra se hospedar dentro do parque e é uma experiência incrível! Dá pra vivenciar o parque dia e noite, mas não tem tanto conforto. Para quem busca mais comodidades, o ideal é se hospedar fora do parque.

Dá pra ficar em um hotel em Jackson Hole ou dá pra achar algum lugar mais luxuoso em Teton Village – como o Four Seasons e o Snake River Lodge & Spa.

5. Dicas gerais:
– Cuidado com os animais selvagens. Embora eles estejam habituados com os humanos, a fauna ainda assim é selvagem e você não deve se aproximar.
– A velocidade máxima permitida nas estradas do parque é de 70km/h/
– Dirigir a noite é perigoso, cuidado com os animais que podem aparecer no meio do caminho.
– Não é permitido coletar pedras, plantas ou flores.
– Verifique quais rios são abertos para a pesca.
– Verifique as áreas permitidas para campings e fogueiras.
– Roupas confortáveis são essenciais para as trilhas.
– Leve snacks e águas nas caminhadas e trilhas.
– No verão, muito cuidado com as tempestades. Procure lugar seguro caso aviste uma.
– Nunca faça escaladas sozinho.

O que fazer em Grand Teton National Park?

Poucas paisagens no mundo têm as vistas incríveis do Parque Nacional de Grand Teton. Este parque nacional em Wyoming possui picos irregulares, lagos alpinos de águas cristalinas e florestas verdejantes vívidas, criando uma paisagem belíssima e diversificada. 

Esse parque é um local de contrastes. Dá para curtir um passeio tranquilo e relaxar na natureza, aproveitando a vista linda das montanhas, fazer uma trilha super divertida ou uma escalada. Não importa a estação do ano, o hiking do verão vira a caminhada na neve do inverno. Aqui você pode pescar no Jackson Lake ou ouvir histórias sobre fauna, geologia ou ecologia direto com um guarda florestal. É só escolher! 

E para ajudar, vamos colocar aqui 10 dias do que fazer em Grand Teton:

1. Visite um dos 6 centros de visitante na chegada ao parque
Faça uma paradinha em um dos seis centros de visitantes para sugestões de uma lista de atrações imperdíveis e escolha entre os vários acampamentos para montar barraca ou parar seu motorhome e planejar a aventura do dia seguinte.

2. Visitar as casinhas de Mormon Lane
Esse é um ponto inicial de uma visita ao parque: as casinhas históricas de Mormon Lane. Essas casas de madeira são de 1890 e ali era o lar de uma comunidade Mormon que migrou de Salt Lake City na intenção de difundir a religião em outros lugares do país. Hoje, esse ponto é conhecido com um dos principais e mais lindos para fotografar os Tetons. Essa parada fica bem na entrada do parque.

Dica: dá pra dormir em meio a essas casinhas, hospedando-se nas Mounton Ranch Cabins, um conjunto de 5 chalés que podem ser alugados.

3. Fazer trilhas e visitar os lagos
Um dos pontos altos do parque são todas as suas trilhas e lakes escondidos. Existem muitos lugares legais para visitar, trilhas fáceis e difíceis, curtas e longas. Basta escolher a que mais se adapta a você. 

Os lagos também são ótimas paradas. Existem alguns escondidos pelo parque e super fotogênicos.

4. Passeio de barco
Um dos passeios mais legais do Grand Teton é andar de barco pelo Jackson Lake. Essa forma de ver o parque começa na Marina da Colter Bay e vai até o Mt. Moran, uma das montanhas mais lindas da região.

5. Alugar barco, caiaque ou canoa
Um dos programas mais disputados no Grand Teton é o aluguel de barcos, canoas e caiaques. E não é a toa. Passear pelos lakes e ver as paisagens de tirar o fôlego é uma das melhores experiências. Dois dos pontos mais conhecidos para o aluguel de embarcações são: o Signal Mountain Lodge e a Colter Bay Marina.

6. Observação da vida selvagem
Grand Teton é SUPER famoso pela sua wildlife. São muitos animais selvagens específicos dessa região. Observar esses animais é um programa imperdível, mas muito cuidado. Mantenha uma distância de 100m de qualquer animal que se aproxime e não os alimente em hipótese alguma.

Escolha o horário certo (quanto mais perto do amanhecer, melhor) e o lugar certo, caso queira observar esses animais. Invista em um binóculo também, isso é importante,

7. Invista em outras atividade, como safaris, cavalgadas e outros passeios
Se você vai ficar no parque por mais tempo, pesquise formas diferentes de andar e conhecer o Grand Teton. Algumas agências operam atividades especiais no local.

Os passeios mais comuns são: cavalgadas – há estábulos dentro do parque e nas mediações, ciclismo – nas trilhas as bicicletas são proibidas, mas podem andar na estrada com os carros e na ciclovia que liga o Jenny Lake ao Jackson Lake, a parte mais linda do parque, diversos estilos de escalada, rafting e muitos outros.

8. Passeio em Jackson Hole
Jackson Hole é um vale que fica entra a cordilheira de Teton e a cordilheira de Gros Ventre, no noroeste de Wyoming, na cidade de Jackson. O lugar deve o seu nome a David Edward Jackson, um caçador de castores do início do século XIX. Essa área era usada para a caça pelos índios americanos e só foi habitado em permanência a partir da década de 1870. É conhecido por ser o lugar ideal para práticas de esqui e pesca com mosca, além da vida selvagem abundante e paisagem exuberante.

Passar um dia nesse lugar incrível é uma das coisas mais legais a se fazer nessa parte do estado. Fizemos um Diário de Bordo especial de Jackson Hole AQUI.

9. Fotografe muito
Esse é um dos parques mais fotogênicos dos EUA! Inclusive, é conhecido como o paraíso dos fotógrafos, já que dá pra encontrar vida animal, montanhas, rios e muito mais.

10. Faça piqueniques 

Esse é um excelente lugar para sentar admirando a vista e fazer um lanche ou almoçar. Tudo nele é lindo, não tem como não admirar a vista desse parque. E fazer isso enquanto se tem uma refeição acompanhado da família (ou não) é uma ótima atividade. Pare em Dornans in Moose para um delicioso almoço ou lanche no deck ao ar livre com magníficas vistas da montanha.

Onde ir no Grand Teton National Park?

Delineado pelos picos irregulares e pontiagudos das Montanhas Grand Teton, esse parque tem centenas de quilômetros de trilhas que vão te levar a lugares como a impressionante Cordilheira Teton e também proporcionar vistas espetaculares que podem se estender até o adjacente Jackson Hole, em Wyoming.

São tantos lugares para visitar por ali, que você pode até se perder. Por isso, separamos algumas paradas do tipo TEM-QUE-FAZER para contar pra vocês:

1. Granite Canyon
O Granite Canyon é um desfiladeiro formado por geleiras que recuaram no final do último máximo glacial, há aproximadamente 15.000 anos, deixando para trás um vale em forma de U. Ele fica logo em uma das entradas. Tem uma trilha de 11,7 milhas ligeiramente trafegada, de ida e volta, localizada perto de Teton Village, e possui um lago, o Phelps Lake.

2. Phelps Lake
É o lago do Granite Canyon. É super conhecido pela Jumping Rock, uma pedra bem alta e ideal para mergulhar no lago, mas para chegar nela é preciso estar preparado para caminhar os 10 Km de volta ao lago.

3. Moose Entrance
Localizado na Teton Park Road, este portão de entrada dá acesso à parte central do Grand Teton National Park. Os visitantes que viajam para o norte de Jackson podem não perceber que entraram no parque porque não passaram por um portão.

A leste do portão está o Craig Thomas Discovery e Visitor Center e Dornans. O centro de visitantes oferece informações ao visitante e Dornans oferece uma variedade de serviços. Depois do portão, os visitantes sobem a colina até Windy Point Turnout e têm uma vista espetacular do Grand Teton.

4. Cordilheira dos Tetons
Fica logo depois da Moose Entrance. É a cadeia de montanhas mais lindas do parque. Fica na estrada e conforme você vai andando, vai vendo. Existem um monte de mirantes e pontos de observação por ali, como por exemplo o Teton Glacier Turnout.

5. Taggart Lake Trail
Uma trilha de 5km no primeiro lago do parque. Uma área com um visual maravilhoso e cheio de vida. Cuidado com os animais selvagens que as vezes ficam perto dos lagos.

6. Jenny Lake Overlook
Já falamos AQUI de Jenny Lake, mas agora vamos falar do mirante que tem ali. É possível chegar nele através de uma estradinha de mão única, porém o esforço vale a pena. A vista do parque desse mirante é maravilhosa.

7. De String Lake até Leigh Lake
O String Lake é uma parada das mais lindas do parque. O visual da montanha dali é a coisa mais linda do mundo! Para quem curte caminhar, a trilha de 3,2km até o Leigh Lake é uma atividade imperdível.

8. Jackson Lake Dam
A represa de Jackson Lake é uma represa de concreto e aterro que fica dentro do parque, na saída de Jackson Lake. Ela foi concluída em 1907 pelo Bureau of Reclamation em Jackson Lake para armazenar 200.000 pés acre para o Projeto Minidoka até que os requisitos de armazenamento pudessem ser determinados. Uma parte dessa barragem rachou em 1910, e em 1911 uma estrutura de concreto por gravidade com asas de aterro de terra foi construída no local. A nova barragem aumentou a capacidade de armazenamento para 380.000 pés

A vista dela deixa qualquer um de queijo caído. Tem uma ponte super famosa onde é possível caminhar e tirar fotos que todos os seus amigos vão duvidar da veracidade.

9. Leeks Marina
Essa é uma das praias do Jackson Lake, lugar ideal para fazer um piquenique com a família e passar um tempo observando a natureza maravilhosa que tem ali. Mas, de novo, cuidado com os animais selvagens. Leeks Marina é um lugar comum para os ursos.



10. Colter Bay
Em Colter Bay Village, onde fica Colter Bay Marina, você encontrará cabanas de montanha charmosas e acampamentos ao lado do Jackson Lake com o majestoso Grand Tetons como pano de fundo. Esse é um lugar perfeito para passar 1 dia ou dois. Dá pra acampar ou curtir  

Pense em Colter Bay Village como um acampamento de verão para toda a família – caiaque, canoagem, cavalgadas, pesca, natação, caminhadas, cabanas de toras históricas e muito mais.

11. Cunnigham Historic Site
The Cunningham Cabin é uma cabana de madeira dupla que foi construída como uma propriedade rural em Jackson Hole e representa uma adaptação de uma forma de construção dos Apalaches para o oeste. A cabana foi construída ao sul de Spread Creek por John Pierce Cunningham, que chegou a Jackson Hole em 1885 e subsistiu como caçador até estabelecer o Bar Flying U Ranch em 1888. Os Cunninghams deixaram o vale para Idaho em 1928, quando um terreno estava sendo adquirido para o futuro Parque Nacional Grand Teton.

12. Snake River
O Snake River é um rio dos estados de Wyoming, Idaho, Oregon e Washington e o principal afluente do rio Columbia. Tem cerca de 1.674 km de comprimento e a sua bacia abrange 280.000 km². Nasce no Parque Nacional de Yellowstone e atravessa uma série de montanhas, desfiladeiros e planícies.

Ali fica o Snake River Lookout, um dos mirantes mais conhecidos e fotografados do parque. De lá, é possível admirar a bela vista dos três Tetons da montanha.

MUITO MAIS DICAS NO YOUTUBE

GOSTOU DESSA DICA? ENTÃO VISITE NOSSO CANAL DO YOUTUBE. TEMOS MUITOS VÍDEOS INCRÍVEIS DA NOSSA ROAD TRIP PELOS ESTADOS UNIDOS. SE QUISER, CLIQUE AQUI PARA SE INSCREVER NO CANAL OU CLIQUE AQUI PARA A PLAYLIST DOS VIDEOS. E aqui está o vídeo da nossa passagem pelo Grand Teton National Park:

Deixe um comentário