Diário de bordo

Napa Valley: a rota do vinho na Califórnia

A Califórnia é super conhecida por Los Angeles, San Francisco e San Diego. Muitos turistas visitam a Golden Coast esperando muito sol, praia, Hollywood e calçada da fama. Mas o estado esconde uma jóia rara: Napa Valley. O lugar ficou muito famoso no final dos anos 70, que foi quando um rótulo americano ganhou como o melhor em uma competição na França.

Napa Valley é um região que fica a mais ou menos 100km, de 1 a 2 horas, de San Francisco. Um ótimo caminho para seguir com sua road trip, Napa Valley também é válida para quem quer fazer um bate-volta ou apenas passar 2 ou 3 dias por lá, já que é só locar um carro ou escolher uma excursão (essa segunda opção tem aos montes pela Califórnia, principalmente SanFran). Os tours podem ser feitos de microônibus, de limousine (dura 10 horas e custa cerca de $450), tours privados com motoristas, de bicicleta (esse é pra quem gosta de pedalar muito) e tour de balão (dura 4 horas e você pode conhecer Napa Valley de cima).

Napa, Oakville, Yountville, Santa Helena e Calistoga são as cidadezinhas que fazem parte de Napa Valley. São cerca de 400 vinícolas que produzem mais de 850 rótulos. É considerada um dos 10 melhores destinos de vinho DO MUNDO. Interessante, né? É a capital norte-americana do vinho.

Sobre Napa – É a maior cidade do vale. Além das vinícolas, as paisagens são incríveis. Nem parece que estamos na Califórnia. E apesar de dar nome à região, não tem muito coisa pra fazer além de algumas vinícolas e degustações. Alguns restaurantes são bem legais, como o Filippi’s Pizza Grotto, uma renomada e tradicional pizzaria. Alguns outros restaurantes também são bem gostosos, vale dar uma volta por lá.

Sobre Yountville – As ruas dessa cidade são repletas de jardins, flores e árvores. A culinária local é muito famosa pela sua qualidade. É tudo muito bom e fresco, nenhum restaurante ali tem comida ruim. 

Sobre Santa Helena – É a cidade mais movimentada e badalada de Napa Valley. Tem muitos bares, pubs e até casa noturna. O público é mais jovem e agitado. É bem diferente das outras cidadezinhas do condado. Além de tudo, é linda!!!

Sobre Calistoga – É a mais movimentada das cidades. Porém, ela possui muitos lugares calmos e tranquilos, onde é possível fazer alguns passeios mais relaxantes. A atmosfera dela é incrível. Além de ser onde fica a vinícola mais chique da região, a Castello di Amorosa. É uma cidade mais antiga, cheias de cafés e bares estilo wine bars.

O caminho entre todas as cidades e vinícolas é encantador. É tudo perto e muito bem sinalizado, além de ter centros de informações. Tem muitos hotéis (que não conseguimos opinar, já que moramos na nossa van). Mas uma pesquisa rápida consegue mostrar lugares legais para pernoitar.

Temos uma lista das 8 vinícolas que mais gostamos ou ouvimos falar. A maioria das vinícolas da região são abertas a visitação gratuitamente, mas para tours, degustações e visitas especiais é necessário pagar uma taxa. Vamos passar a média dos valores. Verifique antes quais são as vinícolas e se é necessário pré agendamento ou não.

1. Robert Mondavi Winery7801 St Helena Hwy, Oakville, CA 94562
Foi fundada em 1966 pelo Sir Robert Mondavi, conhecido como o pai do vinho californiano. Vinícola com arquitetura em estilo espanhol, a mais famosa de todas. Fica em Oakville e impressiona pelo tamanho dos vinhedos. Não precisa de agendamento para a visita, mas para os tours é bom fazer reserva porque é um passeio super concorrido. É um tour mais rápido, mas é possível fazer degustação e participar de algumas experiencias culinárias. Tem também uma lojinha incrível. O valor dos vinhos não são dos mais baratos, mas super vale a pena pelo momento especial.

Valores: os tours vão de $25 a $85 por pessoa, tudo depende do que você escolher, já que há diferentes tipos de passeios, desde um de bicicleta, até outro que contempla as obras de arte do lugar.

2. V. Sattui Winery1111 White Ln, Santa Helena, CA 94574-1551
Fica na cidade de Santa Helena. Foi fundada em 1885 e é famosa por sua área de piquenique e pelo ambiente maravilhoso e aconchegante. Lá também tem um mercadinho muito legal. Salve algum dinheiro para compras. É possível só visitar a vinícola sem precisar pagar por um tour e não precisa de agendamento. Mas caso queira participar da degustação ou visita guiada, é bom reservar com antecedência e verificar o valor. O lugar oferece cerca de 80 rótulos diferentes de vinho e champagnes que não são vendidos em outras lojas ou supermercados.

Valores: para degustação é de $15 a $25 por pessoa. Já para os tours, é preciso desembolsar de $35 a $75 por pessoa, dependendo da modalidade escolhida.

3. Castello di Amorosa4045 Saint Helena Hwy, Calistoga
Sem dúvidas, a vinícola mas especial da região. É a típica vinícola italiana do século 13, instalada em um gigante castelo medieval (mais ou menos 11 mil m²) de pedras com ares europeus, nas colinas de Calistoga. A parte inferior do castelo parece uma taberna. Foi inaugurada em 2007 e é super turística, mas vale muito a pena. Nesse lugar é necessário pagar para entrar. O tour também precisa ser pago a parte. Não são necessárias reservas em geral, apenas para o tour premium.

Valores: a entrada é $30 por pessoa. Já os tours vão de $45 a $115 por pessoa, dependendo da experiência escolhida.

4. Stag’s Leap Wine Cellar5766 Silverado Trl, Napa, CA 94558-9413
Essa vinícola foi a vitoriosa do julgamento de Paris*, na França, no meio dos anos 70, que colocou Napa Valley na rota do vinho mundial. Fica na montanha Stag’s Leap Palisades e foi fundada em 1970. É uma das primeiras vinícolas californianas e sua safra de 73 foi celebrada internacionalmente. Para quem gosta de uma vinícola cheia de historias agregada a um ótimo vinho, essa é a parada certa. A arquitetura também é diferenciada, a vista dos vinhedos é fantástica e merece uma visita. Degustação e tours precisam ser agendadas e são pagos, já a entrada é gratuita.

Valores: de $45 a $95 por pessoa, dependendo do tour e da degustação escolhida.

*Dica: Existe um filme produzido em 2008 que conta toda a história dessa competição francesa, chamado Julgamento de Paris.

5. Opus One Winery 7900 St. Helena Hwy, Oakville, CA 94562
É considerada uma da vinícolas mais diferentes da região e sua produção é super limitada. A ideia do rótulo veio de Robert Mondavi, da vinícola Robert Mondavi, e Baron Phillippe de Rothschild, que era um vinicultor francês de uvas Bordeaux. O lugar é imponente e considerado uma experiência de luxo. Foi recém-reformada e é a mais francesa das vinícolas. É necessário fazer agendamentos para tours e degustações.

Valores: os tours e degustações partem de $50 por pessoa.

6. Beringer Vineyards 2000 Main St, Santa Helena, CA 94574-9500
Essa vinícola se destaca pela sua história, afinal, ela é de 1875, e fica em Santa Helena. Foi a primeira da Califórnia a oferecer tours e degustações. A propriedade tem túneis super legais para deposito de barris de vinhos e é tudo muito lindo. A entrada é gratuita, mas a visitação para tour e degustação é paga. Precisa ser pré agendado.

Valores: depende muito do que você escolher. Os valores variam entre $25 e $60.

7. Spottswoode Winery 1902 Madrona Ave, Santa Helena, CA 94574-2354
Fundada em 1882 por George Schonewald, essa é uma vinícola popular e familiar, uma graça. Por lá, produzem 3 tipos de vinhos e é preciso reservar o tour. É um lugar pequeno e que você se sente em casa. O vinho é ótimo e as paisagens, incríveis.

Valores: começam em $20.

8. Peju Province Winery – 8466 St Helena Hwy, Rutherford, CA 94573

Os vinhedos são um show a parte nessa vinícola. Não é das mais conhecidas, mas seus 30 rótulos de vinhos produzidos de maneira sustentável chamam a atenção de quem gosta de sair dos destinos mais turísticos.

Valores: sob consulta dependendo da época do ano.

MELHOR ÉPOCA PARA VISITAÇÃO

Na teoria, a melhor época para visitar uma vinícola é na colheita das uvas. Isso acontece em Napa Valley entre setembro e outubro. O problema é que nessa época tudo fica lotado, principalmente porque o clima está agradável e não muito calor. Como fomos na época da pandemia do coronavirus, não estava tao cheio. Foi muito seguro, como distanciamento e uso de máscara por parte dos funcionários e visitante. Há quem vá em abril e maio e goste muito, porque dessa forma as cidades e hotéis ficam mais vazios, além das reservas nos restaurantes.

MUITO MAIS DICAS NO YOUTUBE

GOSTOU DESSA DICA? ENTÃO VISITE NOSSO CANAL DO YOUTUBE. TEMOS MUITOS VÍDEOS INCRÍVEIS DA NOSSA ROAD TRIP POR LÁ. SE QUISER, CLIQUE AQUI PARA SE INSCREVER NO CANAL OU CLIQUE AQUI PARA A PLAYLIST DOS VIDEOS. E aqui está nosso vídeo com o tour na Robert Mondavi Winery.

Deixe um comentário